Notícias

//Projeto da Taxa de Fachada é rejeitado na CMA

Projeto da Taxa de Fachada é rejeitado na CMA

A Câmara Municipal de Aracaju (CMA) rejeitou na tarde desta terça-feira, 20.08, o Projeto de Lei (PL) do vereador Elber Batalha (PSB) que alteraria a redação da lei da Taxa de Fachada em Aracaju, que visava regulamentar de forma justa essa lei abusiva existente no município.

Com 5 votos a favor, todos da bancada oposicionista, 10 votos contra, da bancada do prefeito na CMA e 4 abstenções, inclusive de vereadores que haviam assinado o PL do vereador Elber Batalha, o projeto foi rejeitado pela maioria dos vereadores. A galeria estava lotada de empresários e comerciantes de Aracaju que, juntamente com Elber, escreveram o PL em conjunto e clamavam pela aprovação, já que ele previa a isenção do pagamento da taxa os estabelecimentos que possuíssem placas com dimensões de até 4m² e contivessem apenas o nome estabelecimento e informações de identificação, desde que seu peso não ultrapasse 20kg.

“O prefeito de Aracaju, com a pressão dos empresários, resolveu recebê-los próxima semana com a promessa de negociar a Taxa de Fachada. Como eu já conheço as artimanhas de Edvaldo Nogueira, duvido muito que ele abra mão de cobrar mais essa taxa aos comerciantes de Aracaju. Ele não perde a oportunidade de prejudicar os aracajuanos. O segmento empresarial está sendo excessivamente taxado nessa gestão, inclusive com a anuência da bancada governista aqui na CMA”, disse Elber.

 

 

 

Fotos de César de Oliveira

2019-08-20T18:26:51-03:0020 ago 2019|Notícias|